Dia Internacional do Voluntário

unnamed

Confira ideias de ações voluntárias para o fim do ano!

Todo fim de ano é a mesma correria, certo? Compra de presentes, supermercado, viagens, familiares chegando de todas as partes… é uma verdadeira festa. Porém essa também pode ser uma época para fazer a diferença, mesmo que em pequenas ações.

A boa notícia é que isso pode ser fácil! Existem ações que você pode realizar até mesmo em casa ou em qualquer outro lugar. Afinal, natal significa nascimento e nada melhor do que ver nascer um novo ano fazendo o bem.

Vale lembrar que antes de agir é necessário conhecer e escutar. Pesquise bem e faça um “mapeamento” de locais como ONGs, hospitais, abrigos, casas de repouso e outras entidades próximas a você que podem necessitar de sua colaboração. Conheça a organização e converse bastante com os responsáveis, escute e entenda quais são suas verdadeiras necessidades, sem tentar adivinhar ou impor aquilo que você julga que a entidade precisa no momento. Se em um abrigo, o que for necessário for cestas básicas, como voluntário você não irá levar materiais de limpeza, certo? Quando a entidade não reconhece aquilo como prioridade ou necessidade, a sua ação pode perder o significado e a importância, ainda que tenha sido feita na melhor das intenções. Portanto, pesquise e priorize o que aquela comunidade diz que precisa.

Abaixo, selecionamos algumas dicas de ações natalinas para você!

“Ho, ho, ho”, corre com o treno para não perder essas dicas de vista.

Aproxime-se de uma instituição e planeje um 2017 mais feliz para todos 

Escolha uma instituição próxima a você: pode ser uma casa de repouso de idosos, um abrigo, um projeto social com adolescentes da comunidade, etc. Aproxime-se, entenda a rotina daquela instituição e pense no que você e seus amigos podem fazer para que 2017 seja um ano melhor para quem frequenta e/ou mora ali.

Você pode começar por um piquenique com as crianças, participar do horário de brincadeiras propondo atividades novas, pode organizar um chá da tarde com os idosos de um asilo, passar um momento conversando com eles, etc. A ideia é criar oportunidades para conhecer de perto as pessoas, as instalações, e assim poder planejar as ações que gerarão mais benefícios para todos.

Aproveite o clima de confraternização para reunir os amigos, conhecer um novo ambiente e usar as boas energias para planejar um 2017 transformador para todos!

Leia para um idoso

A literatura nos transporta para um mundo de possibilidades, porém, infelizmente nem todos têm acesso a esse bem.

Nós, do Itaú Social, já te estimulamos o ano todo a ler para uma criança e muitos voluntários já fazem isso frequentemente. Então, que tal mudar um pouco o público e ler para um idoso?

Algumas pessoas de mais idade apresentam dificuldades para ler por conta da visão prejudicada ou por não poderem se manter numa posição que possibilite a leitura. Portanto, que tal procurar uma casa de repouso que tenha idosos nessas condições e que gostariam de ouvir novas histórias? Converse com o idoso ou com o atendente do lar e entenda que tipo de literatura seria interessante para ele. Tire um tempinho do seu dia para ir até a entidade e ler para um idoso.

Esta ação pode ser estendida a pacientes de hospitais públicos de qualquer idade que estejam em período de internação e possam receber visitas. Certamente, a possibilidade de ouvir uma história, receber atenção e se envolver com uma narrativa poderá trazer mais bem-estar e ocupar o tempo do paciente de forma estimulante. Afinal, manter viva a imaginação é algo que beneficia todas as pessoas que estiverem abertas a esse universo tão rico da literatura!

 

Crie uma gincana do bem pelos bairros

Sim! Por que não? Uma gincana é uma ótima forma de estimular o espírito voluntário pela cidade e pode ser realizada de forma simples e divertida.

Convide amigos, familiares, vizinhos e colegas de trabalho. Divida as equipes e defina um bairro para cada equipe. Durante um fim de semana, cada equipe será responsável por observar seu entorno e realizar tarefas do bem que melhorem a experiência de transitar pela área. A equipe pode recolher lixo naquela praça que anda meio abandonada, ajudar uma pessoa com pouca mobilidade a atravessar a rua, notificar as autoridades sobre algum reparo que precise ser feito na via pública, promover uma roda de samba para animar o domingo, etc.

O importante é passar dois dias atentos ao entorno, com o propósito de fazer contribuições viáveis e executá-las! Cada tarefa realizada deve ser registrada no celular por meio de foto ou vídeo, para que ao final cada equipe possa apresentar o trabalho realizado. A equipe que tiver gerado o maior impacto poderá ser reconhecida com uma lembrança simbólica.

 

Lancha comigo?

Infelizmente, muitas pessoas estão em situação de rua no Brasil e parecem ser tratados como invisíveis. Para ter uma ideia, o IBGE estima 1,8 milhão de pessoas em situação de rua no país! São mais de 13 mil só na cidade de São Paulo. E a gente tem mania de criar esteriótipos antes de conhecer as pessoas e suas realidades. Você sabia, por exemplo, que somente 13% das pessoas em situação de rua são analfabetas?

Nessa época do ano, em que as pessoas costumam se reunir com seus familiares, que tal se juntar com um amigo e fazer uma refeição com uma pessoa em situação de rua?

1. Prepare o lanche
Compre suprimentos para fazer um lanche gostoso ou assalte sua geladeira. Prepare 2 lanches ou mais.

2. Aprochegue-se
Ofereça o seu lanche a uma pessoa em situação de rua e pergunte se ela se importa de você comer junto e bater um papo. Pode começar perguntando o nome, por exemplo.
Atenção, sabemos que essa não é uma missão fácil. Abordar pessoas desconhecidas na rua pode ser bem difícil. Se preferir, convide um amigo para entrar nessa com você. Faça no seu tempo e fique tranquilo se não der certo na primeira vez. Tente de novo e não desista.

3. Bata papo!
Agora é só conversar, aproveitar o lanche e principalmente: ouvir. Acreditamos que quebrar essa barreira é algo transformador.

 

Troque o Amigo Secreto pelo Anjo Secreto

No fim do ano, é muito comum organizarmos a brincadeira do Amigo Secreto para trocarmos presentes entre familiares, amigos ou colegas de trabalho. Que tal desta vez proporcionar experiências em vez de apenas dar um presente?

O Anjo Secreto funciona da seguinte forma:

1. Uma semana antes do natal, escreva os nomes dos participantes em pequenos papéis, dobre-os bem e reúna todos em um saquinho.

2. Cada participante deverá sortear um papel com o nome da pessoa que será seu protegido por uma semana e manter o segredo.

3. Ao longo dessa semana, o objetivo de cada Anjo Secreto é tornar a vida do seu protegido mais alegre, fazendo pequenas surpresas. Se a brincadeira for no ambiente de trabalho, por exemplo, um dia você pode deixar um bombom ou uma flor na mesa do seu protegido. Pode ficar atento a algo de que ele esteja precisando, e ajudar deixando uma informação útil, como uma dica de restaurante para ir com a família ou de um técnico para resolver um problema em casa. Você também pode se aliar com alguém e pedir para que seu aliado faça pessoalmente algo pelo seu protegido, como oferecer uma carona de volta para casa, indicando que o gesto foi feito em nome do Anjo Secreto dele.

A ideia é que os participantes passem uma semana proporcionando experiências agradáveis, fazendo gentilezas e surpreendendo uns aos outros de forma anônima. Na véspera do natal, o grupo se reúne em uma confraternização em que cada protegido descobre quem foi o Anjo Secreto que tornou sua última semana mais feliz.

 

E então, gostaram das dicas? O que você costuma fazer no fim do ano? Conta pra gente!

 

Fonte: https://www.ivoluntarios.org.br/pages/2730-bra-confira-ideias-de-acoes-voluntarias-para-o-fim-do-ano

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s