O encontro: Voluntariado Empresarial maximizando impacto do investimento social reuniu quase 60 pessoas

Dia 5 de junho, no espaço cedido pela WeWork reunimos quase 60 pessoas no nosso 58’ encontro do Grupo de Estudos de Voluntariado Empresarial.

Nosso comitê voluntário do GEVE com as palestrantes, também voluntárias em nosso encontro!

90ab3a02-c384-41cb-842f-344476eb5c86

Apresentação GEVE 5 de junho

O tema VOLUNTARIADO EMPRESARIAL MAXIMIZANDO O IMPACTO DO INVESTIMENTO SOCIAL

foi apresentado por Patricia Loyola e Anna Peliano do BISC Comunitas.

a1b6fb46-0226-4fd7-ab75-b681833e5d69f71ecb81-44a0-4163-afcc-2f92e3b460da

Anna Peliano foi a responsável por apresentar os dados. A especialista construiu um panorama detalhado sobre os últimos 12 anos do investimento social privado, com ênfase no campo do voluntariado corporativo.

Anna Peliano Apresentação-BISC- GEVE 05.06.19_V2

 

d80cfabd-d7a7-4aeb-a915-7d227cf48223e727fe7f-0cf0-4901-bf24-7e71890f8a7c

Após a apresentação foi realizada uma atividade de grupo, com a construção de indicadores do Programa de Voluntariado:

dinamica Indicadores qualitativos de benchmarking dos programas de voluntariado empresariais

Os materiais que inspiraram para essa construção estão no site do BISC Comunitas:

BISC 2018: Indicadores de Projetos Educacionais (a partir da página 35)

BISC 2017: Indicadores de Projetos de Desenvolvimento Territorial (a partir da página 58) e Projetos Sociais (a partir da página 135)

BISC 2016: Indicadores de Práticas de Parceria (a partir da página 53)

b062b201-48e4-4367-b9ac-7bdbb8de0551

Confira mais fotos do nosso encontro e dados do BISC  no portal do COMUNITAS:

http://www.comunitas.org/portal/em-encontro-bisc-traca-perfil-do-voluntariado-empresarial-nos-ultimos-12-anos/

 

RESERVE A DATA:  NOSSO PRÓXIMO ENCONTRO SERÁ DIA 7 DE AGOSTO NO

Filie-se ao IMPACT2030 e participe do Premio de Voluntariado Empresarial e os ODS

IMPACT2030:  Prêmio de Inovação 2019

Em vista do sucesso dos prêmios inaugurais, lançados na Cúpula IMPACT2030 em 2018,  estão abertas as inscrições para o  IMPACT2030 Innovation Awards for 2019!

Os Prêmios de Inovação IMPACT2030 reconhecem as empresas filiadas ao IMPACT2030 por abordagens inovadoras e impactantes para desenvolver seus programas de investimento em capital humano por meio de PROGRAMAS DE VOLUNTARIADO EMPRESARIAL, engajando seus funcionários/voluntários como agentes de mudança para o avanço dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS).

Em 2019, serão oito os premiados e os melhores exemplos serão apresentados no Encontro Inovação em Investimentos de Capital Humano para o Relatório de Objetivos de Desenvolvimento Sustentável, que será apresentado e publicado em setembro durante a Global Goals Week 2019, em Nova Iorque, nas Nações Unidas.

As inscrições devem ser recebidas até sexta-feira, 14 de junho, para serem consideradas.  Semana de Metas Globais de 2019 (22 a 27 de setembro): Anúncio público dos vencedores e publicação da Inovação em Investimentos de Capital Humano para o Relatório de Metas de Desenvolvimento Sustentável

FILIE-SE  AO IMPACT2030

https://www.impact2030.com/viewpage?id=join_impact2030

INSCREVA-SE NO PREMIO 2019:

https://www.surveymonkey.com/r/IMPACTAwards2019

CONHEÇA OS PREMIADOS DE 2018:

https://www.impact2030.com/viewpage?id=2018_impact2030_summit_-_innovation_awards

inovation awards 2019

Voluntariado Empresarial maximizando impactos do investimento social privado

O próximo encontro do GEVE – Grupo de Estudos de Voluntariado Empresarial está chegando! Anna Maria Peliano e Patricia Loyola trarão o histórico destes 12 anos de BISC sob o enfoque do Voluntariado Empresarial, além de apresentar os resultados da edição mais recente.

5 de junho, quarta-feira,  das 8h30 às 12h30, no We Work Paulista

Avenida Paulista, 1374 , 4 andar

Inscrição gratuita:

https://mailchi.mp/4bf8648acf86/geve-05-06-2019?utm_source=Grupo+de+Estudos+de+Voluntariado+Empresarial&utm_campaign=63e0881228-EMAIL_CAMPAIGN_2019_05_09_01_14_COPY_01&utm_medium=email&utm_term=0_a5c00ad296-63e0881228-16966035

Convite05062019 Grupo de Voluntariado Empresarial

ABRAPS e o e-book sobre os ODS

Em 2018, o Grupo de Trabalho “Visão Abraps” realizou 17 encontros dentro de sua agenda de  Cafés com Impacto do ano. Cada um deles abordou um dos 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável, estabelecidos pela ONU, como temática central. Com a presença de mais de 200 participantes, tais encontros trouxeram como convidados profissionais diversos, com trajetórias importantes e, sobretudo, impactantes em cada um dos 17 ODS.   A riqueza do material se transformou em um e-book “Café com Impacto 2018” :  Boa leitura

Visão Abraps – Café com Impacto 2018 – 23-03-19 (baixa)

A ABRAPS é uma associação e tem a missão de promover e fortalecer o desenvolvimento sustentável, conectando pessoas e organizações, gerando e difundindo conhecimento.

Silvia Naccache   Conselheira Voluntária

59637847_2247518778668990_6575908333939589120_n

Texto inspirador: Silvia Naccache para AltruS

A AltruS é uma plataforma que promove causas, projetos e o voluntariado. Sou uma das colaboradoras para textos e mensagens na plataforma!

Voluntariado: descomplique e pratique

Será que  que fazer trabalho voluntário é assim tão complicado e difícil? Sempre me surpreendo ao ouvir as histórias das pessoas  que querem participar, se mostram interessadas, mas não conseguem nunca encontrar um lugar e não levam esse desejo adiante.  Qual o desafio se a nossa sociedade apresenta tantas oportunidades, projetos, causas, espaços públicos e privados onde a doação da energia e do talento certamente seriam muito bem vindas?!

Para descomplicar é só priorizar!

Voluntariar é como qualquer outra atividade que você coloca em sua vida, vai exigir dedicação, disciplina e comprometimento e com certeza, uma priorização do seu tempo. Essa escolha e vontade de realizar e participar poderia ser para um hobbie, uma atividade física, um curso de idiomas, por exemplo.

O primeiro passo para descomplicar é entender o que é ser voluntário e qual a sua motivação para realizar. É impossível imaginar o voluntariado sem motivação. São inúmeras e cada um deve refletir qual é a sua: fazer diferença na vida de alguém, desenvolver uma habilidade, sentir-se reconhecida, ocupar tempo livre, fazer novas amizades, colaborar para uma sociedade melhor, com mais altruísmo e solidariedade. Pode ser que tenha se motivado pela oportunidade que o voluntariado oferece do exercício da cidadania ou, as motivações, podem ser religiosas. Ainda pode-se estar motivado para ser um exemplo e inspiração para outras pessoas.

Não importa: cada pessoa tem a sua motivação, vontade e seus valores construídos ao longo da vida que serão como um “norte”, uma orientação para essa escolha.

Não basta essa atenção e cuidado apenas com a motivação inicial que mobiliza e engaja, é fundamental  manter esse entusiasmo e a chama da motivação acesa – do contrário, qualquer atividade, por mais organizada e planejada que esteja, não vai retê-lo. Cada voluntário, ou candidato ao voluntariado deve refletir sobre algumas outras questões, além da motivação, tais como: em que área atuar; que ação deseja realizar;  com que público quer interagir; se a atividade escolhida será presencial ou a distância;  quanto tempo tem para doar; e quais talentos e habilidades deseja oferecer.

Existem incontáveis possibilidades de participação e esse encontro entre voluntário e causa deve ser positivo e trazer benefícios para quem doa e para quem recebe a ação. É preciso trabalhar em sintonia e harmonia.  Não precisa complicar, mas também não dá para acreditar que basta a boa vontade: voluntariado é um encontro que precisa de dedicação e cuidado, para que traga bons resultados e para que os voluntários se sintam valorizados. Valorizar, incentivar e reconhecer são gestos que promovem maior engajamento, fidelização e comprometimento.

Descomplicou? É a hora de realizar! Com muita alegria, fazendo aquilo que gosta e faz bem! Certamente voluntariar é especial! Todos envolvidos em uma determinada atividade, mostram que juntos são responsáveis pelo êxito do projeto. Mas quem doa tempo deve lembrar da pontualidade e da assiduidade!  O compromisso é primeiro consigo mesmo!  Foi uma decisão e agora existe a grande oportunidade de fazer a diferença. Ser parte da construção de um mundo melhor, mais justo, sustentável, mais inclusivo e com mais qualidade de vida para todos, hoje aqui e agora e também para as gerações futuras.

Não se esqueça!

Descomplique: o voluntariado cabe na sua vida?

Pratique: tire a mão do bolso e coloque a mão na “massa”.

E se puder, Multiplique: convide, inspire e facilite para que mais pessoas venham fazer parte!

 

https://www.facebook.com/altrus/

Voluntariado no FIFE2019 RJ

20190411_101005 Caminhos do FIFE 2019 no Rio de Janeiro e o Voluntariado!

Algumas palestras e apresentações de Voluntariado Empresarial:

Voluntariado Empresarial Claudio Vivieros CBVE

Voluntariado Instituto Algar FIFE 2019

Um pouco do Voluntariado Jovem no México , com Rosa Morales

20190411_184932

Voluntariado México RosaMorales

Minha contribuição com a Fidelização de Voluntários

Fidelizar – Voluntariado Silvia Naccache

Legislação

Voluntariado Legislação cinthia-polliane-camandaroba

E Muita inspiração com Fabio Muller do CIEDS e a palestra sobre Engajamento Cívico

Engajamento Fabio Muller CIEDS

20190408_170726Que venha  o FIFE 2020  com mais palestras e debates e novos caminhos do Voluntariado!  Florianópolis  a sede do  Fórum Interamericano de Filantropia Estratégica – FIFE 2020 –  dias 14 a 17 de abril.

 

Fórum de Voluntariado no RJ

No dia 12 de abril, no Centro de Convenções Sul América, no Rio de Janeiro aconteceu o Fórum de Voluntariado, promovido pela Rede Filantropia e pelo Grupo de Estudos de Voluntariado Empresarial.

o Fórum foi gratuito e reuniu mais de 150 pessoas debatendo os principais aspectos do mundo do voluntariado, tecnologias, voluntariado corporativo e mais!

O primeiro painel, com a curadoria de Silvia Naccache contou com palestrantes que trouxeram cases e  provocaram um debate muito participativo!

Voluntariado: um recurso relevante para a sociedade   

Recurso em todos os seus aspectos: contabilmente, já que o Brasil valora a hora voluntária,  recurso em forma de talentos, energia, tempo, trabalho e habilidades doados para as organizações da sociedade civil;  recurso que pode ser mobilizado por meio dos programas de voluntariado empresarial. E ainda mais recursos e visibilidade quando voluntários  apoiam a área de mobilização de recursos, tais como nos  bazares, eventos, mídias sociais, etc.   E certamente  o impacto local e global que isso gera na sociedade  ….  um exemplo é o engajamento mundial de cidadãos, voluntários pela agenda 2030 dos ODSs.

Panorama do Voluntariado e Mediação

Carolina Muller

Carolina Muller,  Cieds Pós-graduada em Gestão Empresarial (2008), administradora de empresa (2005), atualmente responsável pela gestão do Conselho Brasileiro de Voluntariado Empresarial – CBVE e PMO no CIEDS – Centro Integrado de Estudos e Programas de Desenvolvimento Sustentável.  Mais de 8 anos de experiência em atuação na Petrobras somado aos desafios de trabalho em diversas outras organizações. Fluente em espanhol atuou por 4 anos na internacionalização da Petrobras atuando junto a diversos países, do Chile ao Japão, e por 2 anos como Coordenadora de Comunicação e RSA da Petrobras, no Chile. Dinâmica, positiva e estratégica, acredita que o trabalho em equipe, o serviço de excelência, o engajamento dos colaboradores e a Responsabilidade Social Corporativa é a chave do sucesso de uma instituição.

Panorama do Voluntariado FIFE 2019_Carolina Muller Cieds

Voluntariado e Aspectos Contábeis

Sandra Helena Pedroso

Sandra Helena Pedroso, Programa de Voluntariado da Classe Contábil do RJ  . Diretora do Ateliê de Cultura. Mestre em Sistema de Gestão de Projetos Sociais pela UFF e formada em Ciências Contábeis e. Nos últimos anos exerceu diversas funções na área cultural e cinematográfica. Foi Coordenadora Técnica da ANCINE, da Lei Estadual de Incentivo a Cultura e Membro do Comitê técnico da Lei do ISS/RJ, professora de produção na faculdade de cinema da Universidade Estácio de Sá e da faculdade de Produção Cultural da Candido Mendes. Atualmente como professora de Gestão Financeira na pós-graduação e no MBA de Produção Cultural da UCAM e na graduação do IUPERJ. Na área privada tem atuado como consultora administrativa e financeira de projetos culturais e sociais na: Secretaria de Cultura de Niterói, Textual Comunicação, Pedra Corrida, Izabel Jaguaribe, Jongo da Serrinha, Biblioteca Comunitária Tobias Barreto e com diversos ganhadores do Edital 2007 e 2010 da Petrobras Humanidades, etc. Produziu o espetáculo Suíte Funk na Caixa Cultural de Brasília e do Rio de Janeiro e os pilotos para televisão Carro de Paulista e Livros que amei. Participou como analista sênior, econômica e na comissão de seleção de projetos sociais da Petrobras nos anos de 2005, 2006 e 2007. No ponto de cultura do Grupo Nós do Morro e na Morena Filmes entre outros.

Apresentação  SANDRA PEDROSO

Voluntariado: Voluntários e as Organizações da Sociedade Civil

Pedro Ronam Marcondes

Pedro Marcondes Ronan, Argilando   Apaixonado pelo movimento do voluntariado e um otimista na busca por pessoas e ideias que contribuam para o desenvolvimento de questões sociais no Brasil e no mundo.  Fundador e diretor presidente da ONG ARGILANDO. Empreendedor social, advogado, consultor, palestrante e professor. Especialista em responsabilidade social corporativa, voluntariado empresarial e Terceiro Setor, com expertise em facilitação e gerenciamento de programas e projetos de desenvolvimento humano, cultural e socioambiental, alcançada em cursos, consultorias, treinamentos e outras experiências de trabalho, realizados, em organizações comunitárias, em organizações do Terceiro Setor e em grandes empresas, com experiência em agregar pessoas e organizações em torno de interesses comuns capazes de mudar o mundo, um passo de cada vez!

Apresentação  PEDRO RONAN Argilando

Voluntariado Corporativo: Voluntários e as Empresas   case TERNIUM

Maria Carolina de Almeida

Maria Carolina Almeida  Graduada em Marketing e pós-graduada em Gestão Empresarial pela Universidade Candido Mendes, Rio de Janeiro. Atuou em mercados diversos como o automobilístico, sucroalcooleiro e de comunicação. Hoje, desenvolve projetos sociais ligados a educação, cultura e diversidade, com objetivo de promover o desenvolvimento local e o relacionamento entre empresa e a comunidade. Hoje atua em Relações com a Comunidade e Programa de Voluntariado Empresarial na Ternium.

Apresentação Maria Carolina: Voluntariado Ternium – final2

O segundo painel coordenado por Roberto Ravagnani e trouxe três debatedores trazendo a tecnologia como facilitador do voluntariado: Helen Pedroso, , Rafael Medeiros, Rafael Costa e Luis Sergio Pereira.

20190409_132105

Instituto Ronald Voluntariado Helen Pedroso

Rio 2016_Seleção e Engajamento Rafael Costa